cara de mau

Ter barba te deixa com cara de mau?

[uam_ad id="1008"]

Você já deve ter ouvido falar que a barba confere aos homens a famosa cara de mau, não é mesmo? São diversos os formatos e estilos que podem ser adotados, desde a barba por fazer ou curta até as barbas mais cheias. Independentemente da escolha, o visual barbado de fato traz mais maturidade, sex appeal e segurança para o seu portador.

No post de hoje, vamos abordar essa questão e falar sobre como os pelos faciais influenciam na personalidade, além de quais benefícios eles trazem para o adepto desse visual. Confira!

A influência cultural

Historicamente, o uso da barba foi incorporado ou abolido na cultura de diversos povos, chegando a ser considerado sinônimo de poder ou, até mesmo, de falta de higiene. Enquanto os romanos aderiam a modelos volumosos e elaborados em adoração aos deuses, chegando a ter cachos, os egípcios e sumérios consideravam os pelos no rosto algo desagradável.

Um acontecimento importante nesse quesito foi a vitória dos ingleses na Guerra da Crimeia, em 1850, fazendo com que os homens da época quisessem reproduzir o estilo dos soldados vitoriosos, que cultivavam suas barbas. Por outro lado, com a invenção das lâminas de barbear Gillette, em 1902, o visual clean passou a ser a opção das tropas militares, principalmente as norte-americanas, influenciando novamente a população.

Na modernidade, após presenciarmos diversos movimentos, como os hippies e os black power, por exemplo, não há um padrão a ser seguido. Cada um escolhe livremente como quer se apresentar e o que cai melhor no seu tipo de rosto.

Benefícios dos pelos faciais

Os pelos faciais trazem inúmeras vantagens para os homens. Além dos fatores subjetivos, como segurança, maturidade e poder de conquista — a ciência explica que as mulheres sentem-se mais atraídas pelos barbudos —, há também os fatores físicos.

As barbas escondem imperfeições, como queixos pequenos e mandíbulas fracas, e destacam os olhos e a boca. Além disso, problemas de pele, tal qual a acne, dão lugar a pelos vistosos. Chamar a atenção para o rosto também compensa outras imperfeições, como o cabelo ralo, por exemplo.

Se você tem barba rala ou falhada, isso não é desculpa para desistir do visual. O estilo por fazer, bigodes ou barbichas também podem conferir seriedade e sensualidade.

Cara de mau versus personalidade

Por mais que a barba confira a aparência de determinada personalidade ao seu usuário, muitas vezes formada por meio do preconceito das pessoas, ela não muda a essência do indivíduo. A cara de mau observada numa primeira impressão poderá dar lugar, ao longo da convivência, à constatação de generosidade e sensibilidade.

Como vimos, os barbudos são mais propensos a se darem bem com as mulheres numa balada. Para além disso, será possível mostrar todas as suas qualidades nos próximos encontros. Há a vantagem de usar a segurança adquirida pela aparência e alcançar grandes feitos através dela.

Cuidados com a barbahigienizando a barba

Para que sua barba faça sucesso, é preciso cuidar bem dela. Será necessário, com alta frequência semanal, aparar, desenhar, lavar e hidratar. No entanto, com as dicas e produtos certos, o visual poderá ser mantido facilmente.

Se você for começar do zero, controle o impulso de tirar os pelos nas primeiras semanas e relaxe: o esforço valerá a pena. Não dispense o auxílio do barbeiro, também. A experiência dele te orientará a adotar os procedimentos corretos no dia a dia.

Independentemente do estilo ou da cara de mau, os pelos faciais trazem mais atitude para todo homem. Vale a pena investir no visual!

Gostou do post? Conte para a gente nos comentários o que achou das curiosidades e dicas, e também qual é o tipo de barba que você usa!

[uam_ad id="1012"]

Newsletter