Fragrância natural ou sintética: o que é melhor para a barba?

E aí, cara? Tá ligado na diferença entre fragrância natural e sintética? Se você não faz ideia do que eu estou falando, neste post vai entender tudo sobre o assunto. Mas já adianto que para deixar a barba saudável e, ao mesmo tempo, com um cheiro maneiro, não basta escolher essências. É preciso conhecer o processo e a composição dos produtos.

A seguir, você entenderá as características de cada fragrância e, com isso, poderá decidir pelo melhor para a sua barba. Afinal, com ela bem cuidada e perfumada não haverá tempo ruim, certo? Confira!

Fragrância natural

Parceiro, a fragrância natural é o resultado do processo de extração de óleos essenciais da madeira, de plantas e de flores. É importante destacar que a matéria-prima escolhida precisa ser produzida constantemente, ou seja, ser reposta na natureza. Caso contrário, pode haver escassez.

Por causa da complexidade do processo, o custo da obtenção da fragrância natural é alto. Além disso, não se pode ter certeza de que todos os produtos vão manter o padrão. Mesmo que as técnicas de cultivo sejam muito precisas, a diferença nos lotes é inevitável, afinal, não podemos controlar a natureza, certo? E cá entre nós, a originalidade é muito maneira.

Outro ponto a ser considerado é que os produtos naturais não levam fixadores sintéticos em sua composição. Por esse motivo, o cheiro fica menos tempo no corpo quando comparado a uma fragrância sintética.

Ah, e um ponto muito relevante: os amigos animais ficam livres de testes na fabricação de produtos naturais. Também não são incluídas substâncias tóxicas, sintéticas e que podem causar alergias no usuário de fragrâncias naturais. Então, pode aproveitar esse tipo de produto sem medo. A sua barba agradece!

Famílias olfativas

Os cheiros dos perfumes podem ser divididos em famílias olfativas, de acordo com as referências que norteiam o trabalho dos perfumistas. Essa categorização, meu velho, permite que você entenda as opções de fragrâncias disponíveis no mercado, as matérias-primas que originam elas e as sensações que despertam.

Na escolha pelo produto ideal para a sua barba, considere as informações a seguir:

  • aromático: essa família reúne uma vasta gama de aromas, que vão desde a lavanda até o tomilho. O uso tem finalidade relaxante, calmante e, em alguns casos, é utilizado para a cura;
  • citrus: os aromas cítricos podem ser a pedida perfeita para a sua barba de respeito. Eles são naturais, remetem ao verão e à alegria. Independentemente da idade, todos podem se beneficiar com a naturalidade e a vitalidade dessa fragrância — tanto quem não tem nenhum fio no rosto quanto os barbas brancas. Lima, limão, laranja, tangerina e pêssego fazem parte desse grupo;
  • floral: brother, a lógica aqui é bem simples. Enquanto o aroma cítrico está relacionado a algumas frutas, o floral vem das flores, como o próprio nome diz. Os exemplos mais famosos, com certeza, você já conhece: rosas, cravos, madressilva, jacintos, romã, jasmim ou violeta;
  • marinha: aqui o conceito é baseado na refrescância, trazendo notas de algas e brisas do mar. Com ela, você pode manter a praia por perto, onde quer que esteja;
  • madeira: esse grupo representa o tópico cheiro de “homem da floresta”. Na barba ele vai muito bem. Ao olfato, meu confrade, você se lembrará do musgo, das samambaias e do interior das matas;
  • oriental: para encerrar, temos o grupo que representa as fragrâncias asiáticas e que trazem uma combinação perfeita de mistério e sedução sofisticada. A base da essência inclui a baunilha, a madeira de sândalo e o âmbar. Vale a pena experimentar!

Fragrância sintética

O processo de obtenção da fragrância sintética é completamente diferente. Nesse caso, é necessário um equipamento com várias microagulhas que capturam as moléculas com o aroma da matéria-prima escolhida (como uma flor). Então, essas moléculas seguem para o laboratório e são reproduzidas artificialmente.

Nesse caso, brother, não há mais necessidade de recorrer ao produto original. Como resultado, as essências sintéticas são padronizadas, ou seja, têm sempre o mesmo cheiro em todos os produtos em que são aplicadas. Elas também podem ser manipuladas para ficarem mais agradáveis ao olfato das pessoas, com uma fragrância mais forte ou mais fraca.

Para ficar mais claro, vamos recorrer à história do produto, beleza? No fim do século 19, foi criada a primeira fragrância sintética em laboratório, na França. Isso aumentou muito o leque de aromas disponíveis no mercado e levou o perfume para todas as camadas sociais (democratização), já que ele ficou mais barato.

 

Independentemente do tipo de produto, o nível de conhecimento e habilidade do perfumista faz toda a diferença no manuseio das matérias-primas. Mas sem dúvidas a melhor escolha para a sua barba está nas fragrâncias naturais.

Pode desencanar que a sua pele não corre o risco de sofrer nenhuma consequência. Além disso, há vários aromas com origem direta da natureza que são muito agradáveis. O seu estilo é o que manda na hora da decisão.

Na BARBA BRAVA você encontra tudo o que é indispensável para o barbudo de respeito, com essências criadas a partir de óleos naturais. Elas são produzidas direto do vegetal, fazendo a alquimia da fragrância de forma interna. Então, bravo amigo, ao consumir esses produtos, você cuida, hidrata, limpa e ajeita a barba enquanto a deixa com um cheiro irresistível.

Falando nisso, comente aqui embaixo qual é a sua fragrância natural favorita. Vamos compartilhar a preferência com os outros barbudos. Assim, descobrimos novos aromas!

 

Newsletter