Faça amor não faça a barba

Faça amor não faça a barba: 7 motivos para você aderir a esse estilo de vida

Faça amor não faça a barba, é sério. Não faça a barba antes de ler este texto! Temos alguns motivos que vão te convencer de que ficar barbudo pode ser uma excelente opção. Afinal, a barba é um símbolo de masculinidade que pode influenciar sua saúde e, até mesmo, sua vida sexual.

Não acredita? Saiba que existem cientistas pelo mundo afora que andam se preocupando com o poder dos pelos faciais na vida do homem moderno. E as descobertas mais recentes mostram que há muitas vantagens em usar barba, inclusive quando o assunto é sexo.

Continue lendo nosso post e descubra 7 razões para deixar a barba crescer!

1. Homens com barba são mais atraentes

Em 2016, um grupo de pesquisadores da Universidade de Queensland, na Austrália, publicou um estudo demonstrando que as mulheres sentem uma atração maior por homens com barba.

Segundo os cientistas, os pelos faciais sugerem que o homem é mais capaz de competir por recursos. Evolutivamente falando, os barbados seriam a melhor opção como companheiro de longo prazo e, por isso, os mais escolhidos pelas mulheres.

2. Os barbudos são mais respeitáveis

A imagem do homem de barba desleixado ficou para trás. Atualmente, os barbados são considerados mais respeitáveis do que aqueles que cultivam seus rostos lisinhos.

E isso não é apenas uma opinião nossa. Uma pesquisa publicada em 2014 revelou que os homens com barba aparentam ser mais velhos e ter um status social mais elevado. Além disso, os pelos faciais sugerem agressividade. Qualquer semelhança com os leões não é mera coincidência.

3. A barba protege o rosto dos danos do sol

Usando manequins, pesquisadores australianos chegaram à conclusão de que barbas mais longas atuam como uma barreira com fator de proteção solar (FPS) equivalente a 21. Isso quer dizer que os pelos do rosto são capazes de barrar cerca de 90% dos raios ultravioletas que nos atingem.

Assim, a barba é um filtro solar natural que protege o rosto dos danos que a exposição prolongada ao sol causa. Mas isso não é razão para dispensar o uso do protetor solar facial, ok?

4. A barba deixa a pele mais suave

Já vimos que a barba minimiza a ação do sol sobre a pele do rosto. Mas não é só por isso que ela ajuda a manter uma cútis de bebê. Os pelos impedem que a hidratação da pele se perca, deixando-a mais suave e retardando o envelhecimento.

Além disso, o hábito de raspar a barba favorece o desenvolvimento de infecções devido aos cortes que a lâmina pode causar. Os pelos encravados e a foliculite também são mais comuns nos homens que se barbeiam com frequência. Por isso, quem quer uma pele mais sedosa deve abandonar a navalha.

5. Não fazer a barba economiza o seu tempo

Quem gosta de manter a pele lisinha precisa fazer a barba diariamente. Esse hábito pode irritar tanto a pele do rosto quanto o dono da barba. Afinal, vamos combinar que ter a obrigação de raspar os pelos todos os dias não é nada legal.

Veja bem, não estamos falando que não é necessário fazer nada com a barba. Diariamente, é preciso usar os produtos adequados para os cuidados com os pelos e, de tempos em tempo, aparar a barba com calma e tranquilidade. Mas isso é bem melhor do que acordar mais cedo ou ter que raspar os pelos correndo antes de ir para o trabalho.

6. Os barbudos estão mais protegidos contra asma e alergias

Os pelos da barba e do bigode atuam como uma barreira que impede a entrada, pelas vias respiratórias, de substâncias que causam alergias. É o caso de grãos de pólen, poeira e ácaros, por exemplo. Como chegam menos alérgenos aos pulmões, o desconforto com as crises de asma ou alergia é reduzido.

7. As mulheres adoram barbas

“É dos carecas que elas gostam mais”. Opa! Parece que não é bem assim, não. Hoje em dia, as mulheres andam fazendo campanhas nas redes sociais mostrando seu amor à barba. A mulherada tá gritando para todo mundo ouvir que é mesmo dos barbudos que elas gostam mais.

Bônus: faça amor com mais qualidade seguindo nossas dicas!

Vários dos motivos para deixar a barba crescer, listados acima, podem ajudar você a ter uma vida sexual mais ativa. Veja, agora, outras dicas para melhorar sua performance na cama!

Faça exercícios físicos

Não é segredo que a prática de atividades físicas traz muitos benefícios para a saúde. Além de aumentar a resistência e a disposição, os exercícios melhoram a circulação do sangue. Com isso, o fluxo sanguíneo para o pênis é aumentado, facilitando a ereção.

Escolha bons alimentos

Alguns alimentos são conhecidos por seus poderes afrodisíacos. Eles mexem com o funcionamento do organismo alterando o desejo sexual, estimulando a produção de hormônios ou promovendo a vasodilatação e favorecendo a irrigação sanguínea da região genital.

Entre eles, podemos destacar o salmão e o azeite de oliva, ambos ricos em ômega-3 e facilitadores da circulação. O famoso amendoim e as nozes são ótimas fontes de vitamina B1, uma substância que melhora a comunicação entre o cérebro e o restante do corpo — inclusive o pênis.

Seja criativo

Não precisa bolar uma grande estripulia nem investir muito dinheiro. Às vezes, pequenas variações podem fazer milagres. Por que não pensar fora da cama e explorar novos cantos da casa? Ou testar posições diferentes? Ou, ainda, visitar uma sex shop e comprar um brinquedinho novo?

Sugestões não faltam para apimentar a relação, basta ser criativo. Inovar é particularmente importante para quem deseja revigorar a vida a dois e aumentar o prazer do casal.

Gostou deste post? Apresentamos diversas vantagens de manter o visual barbudo e, de lambuja, ainda demos dicas para incrementar sua vida sexual. Fala a verdade: depois de ver isso tudo, diz que você não está ao menos considerando adotar o lema “Faça amor, não faça a barba” em sua vida?

Se você quer aproveitar todos os benefícios de uma barba cheia e bonita, mas não sabe por onde começar, veja nossas dicas sobre como se tornar um barbudo começando do zero.

Newsletter