Churrasco e cerveja: os segredos para caprichar na harmonização

[uam_ad id="1008"]

E aí, barbudo, tudo certo? Certamente, assim como nós, você também não dispensa aquela velha e imbatível combinação: churrasco e cerveja! Tem algo melhor que isso? Reunir bons amigos e familiares para queimar uma carne e tomar uma gelada é uma das melhores coisas da vida.

Mas você sabia que é possível aproveitar essa degustação de maneira mais acertada, combinando os tipos de carne e cerveja corretos e fazendo com que a mistura de paladares seja ainda mais agradável? A harmonização da carne com a cerveja ideal vai certamente elevar seu churrasco a outro nível!

Este post vai trazer tudo que você precisa saber sobre esse assunto, mostrando as bases de harmonização e com quais cervejas os principais elementos de um churrasco combinam melhor. Confira!

Entenda melhor os padrões de harmonização

Entender que certas carnes combinam melhor com determinados tipos de cerveja não é algo muito difícil. Entretanto, você conhece as bases que determinam essa harmonização? Não é algo muito difícil, pois existem basicamente 3 padrões que ajudam a definir isso: por corte, por contraste e por semelhança.

Cada um desses 3 tipos de harmonização estabelece combinações dentro de uma proposta específica, para que a experiência gastronômica de churrasco e cerveja fique perfeita. Barbudo, dá só uma olhada em como funciona cada um deles!

Harmonização por corte

Nesse tipo de harmonização, considera-se alguns elementos da cerveja, como o álcool e o amargor, capazes de quebrar os sabores da carne sendo consumida. Ou seja, a cerveja deve ser bebida após comer, pois ela vai limpar o paladar para o próximo pedaço de carne ou porção.

Harmonização por contraste

É basicamente quando os opostos se atraem, e combinam! Nessa harmonização, as diferenças de sabores entre a carne e a cerveja proporcionam um equilíbrio bem pontual, em que o degustador consegue identificar claramente os dois sabores, criando uma sensação agradável de complementaridade no paladar.

Harmonização por semelhança

Na harmonização por semelhança, cerveja e carne têm sabores muito próximos e, quando consumidos juntos, conseguem deixar essas qualidades ainda mais destacadas.

Saiba como combinar as principais carnes e cervejas

Há sempre aquela dúvida: qual cerveja comprar para o churrasco? Geralmente cada brother leva uma marca diferente e coloca para gelar, ou uma pessoa só fica responsável por isso e escolhe uma marca específica para abastecer o freezer. Não que isso esteja errado, mas se você realmente pretende harmonizar churrasco e cerveja para garantir uma experiência singular, é ideal ter uma preocupação maior nesse momento.

Então, a partir de agora você vai conseguir planejar tudo com um bom embasamento, sabendo exatamente quais carnes e cervejas vai comprar para o seu próximo churrasco. Vamos ver as dicas?

Costela defumada

A costela defumada é uma opção à parte, não é mesmo? Seu sabor único é acentuado pelo toque da churrasqueira e esse sabor forte exige a cerveja mais apropriada para harmonizar bem.

Nesse caso, a Rauchbier cai muito bem, sendo o acompanhamento perfeito, já que ela também possui um toque defumado em seu sabor. A harmonização, portanto, é do tipo semelhança.

Cupim

Mais gordurosa, com um sabor único e uma maciez incomparável, o cupim é uma carne que não dá para dispensar, certo, barbudo? Um bom churrasco, que preza por opções diferentes de carne, vai querer proporcionar essa experiência para a galera.

Por ter essa característica mais marcante no sabor e pela sua maior quantidade de gordura, o cupim é uma carne que harmoniza perfeitamente com as cervejas Pale Ale. Esse sabor mais forte precisa ser “zerado” para o próximo pedaço, e esse tipo de cerveja cumpre bem esse papel. A harmonização é, no caso, por corte.

Picanha

A desejada, a preferida, a 10/10 do churrasco. A boa e velha picanha é realmente uma carne que faz sucesso em qualquer canto, sendo muito difícil errar na mão. Para quem gosta de apreciar verdadeiramente e profundamente essa carne, é importante fazer uma harmonização precisa.

Para fazer uma dupla tão sensacional quanto Bebeto e Romário, a Brown Ale é a grande companheira que a picanha precisa. O sabor leve da carne e a pouca gordura são muito favorecidos pelo corpo médio da cerveja. O malte tostado dela também vai muito bem com o gosto de carvão que a picanha absorve. Essa harmonização também é por corte, pois a carbonatação da Brown Ale limpa o gosto da carne.

Maminha e Linguiça

A maminha é uma carne bastante macia e acaba agradando muito a galera no churrasco. A textura macia torna a carne mais fácil de comer e isso ocorre graças à sua maior quantidade de gordura, que também confere um sabor muito próprio para ela.

A India Pale Ale é o tipo de cerveja que consegue combinar de forma muito agradável com a maminha, justamente por essa característica principal da carne. A quantidade de lúpulo faz com que ela se misture bem com as carnes gordurosas, configurando um ótimo exemplo de harmonização por contraste.

Já a linguiça é um grande clássico do churrasco, sendo geralmente o primeiro prato a ser servido enquanto as demais carnes ainda estão queimando. Você deve estar se perguntando por que ela foi colocada junto da maminha neste post, certo? O motivo é muito simples: ambas têm forte sabor e bastante gordura.

Dessa forma, a linguiça também pode ser perfeitamente harmonizada com a India Pale Ale.

Frango e carnes magras

As carnes magras têm um sabor bastante leve e muito característico. Por isso, uma cerveja mais forte e encorpada pode acabar matando todo o gosto daquela vela asinha de frango que todo bom churrasco tem, não é mesmo? Bem, como aqui queremos chegar ao próximo nível, vamos à dica ideal!

A cerveja do tipo Weiss é a mais recomendada para apreciar com o frango do churrasco. Ela é uma cerveja de trigo de origem alemã, que é mais densa e saborosa, mas ao mesmo tempo bastante leve e refrescante, combinando perfeitamente com a leveza das carnes magras. Essa harmonização é, portanto, por semelhança.

Garantimos que churrasco e cerveja pode ser uma combinação de ainda mais sucesso se você seguir essas dicas, barbudo! Dê essa moral para o seu paladar, proponha as harmonizações para o pessoal e te prometemos: todo mundo vai curtir demais!

Aproveitando o assunto, confira também algumas dicas que separamos para você mandar bem no churrasco do final de semana!

[uam_ad id="1012"]

Newsletter