4 dicas para evitar a Tínea da Barba

Não importa o tamanho e o estilo da sua barba, o importante é que ela sempre esteja em dia não é mesmo, barbudo?Barbearias especializadas em produtos para sua melhor conservação surgem a todo momento, o que é uma boa notícia, pois é essencial que o homem tenha certos cuidados para uma barba bonita e saudável.

Um problema a ser evitado e que assombra os barbudos é a tínea da barba, uma espécie de micose que pode aparecer por vários motivos. O que é e como evitar essa infecção é o que vamos mostrar aqui. Acompanhe!

O que é tínea da barba

A tínea da barba, ou tinea barbae, é causada por dermatófitos, ocasionando uma infecção superficial. Aparece em homens adultos e adolescentes, na área da barba do pescoço e rosto. Pode ser do tipo inflamatório, a mais comum, provocada por contato com animais, como gatos, cavalos e cães, contaminados por dermatófitos zoofílicos. É uma infecção mais grave e profunda.

A tínea tipo herpes é transmitida por hospedeiros humanos. Mais leve e menos comum, o tipo herpes produz manchas avermelhadas na pele.

A tínea sicosiforme é uma variante crônica, produzindo pústulas nos folículos causadas por agentes bacterianos. Um leve prurido é um dos sintomas característicos da tínea, mas ela pode ocorrer de forma totalmente assintomática.

Como evitar a infecção

Já deu para notar que a tínea da barba pode ser bem desconfortável, não é? Então confira 4 dicas para evitar esse problema:

1. Mantenha a barba secasecando a barba

Seque bem o rosto e o pescoço após o banho ou quando for fazer toda a barba ou simplesmente aparar. Seque igual você seca o cabelo, pois água e resíduos de produtos podem trazer pequenos fungos, tornando a região propícia para o surgimento da doença.

2. Cuide das lâminas do barbeador

Não use lâminas contaminadas. Evite deixá-las desprotegidas e, principalmente, em locais em que respingue muita água, como na janela do banheiro, por exemplo. Após o uso, sacuda o barbeador para remover água e, se possível, enxugue as lâminas com papel e então cubra-as e guarde o objeto em local seco.

3. Use produtos conhecidosprodutos para barba

Evite produtos desconhecidos. Se for usar produtos, como balm ou óleo, para manter a boa aparência da barba, certifique-se de usar marcas conhecidas e de boa procedência. Produtos caseiros e sem regulamentação podem ter componentes nocivos à sua pele ou estar fora dos padrões exigidos.

4. Tome cuidado com a reincidência

Caso já tenha tido a tínea do tipo inflamatório, evite contato com animais de estimação, pois a infecção pode voltar com mais gravidade.

Como tratar

Uma vez detectada a tínea, sendo ela mais leve do tipo herpes, a barbeação ou depilação com compressas quentes podem ser eficazes para remover as placas. Shampoos e loções com agentes antifúngicos também ajudam.

Para os quadros mais profundos, o médico recomendará o agente antimicótico mais apropriado. Se for um caso mais grave e a região atingida estiver muito inflamada, uma sessão curta de corticosteroide poderá ser indicada.

Infecções mais profundas são diagnosticadas por meio de pequenas amostras de pele ou cabelo examinadas através de microscópio. O tempo de recuperação varia de pessoa para pessoa, do tipo e gravidade da doença, mas em geral o tratamento completo leva de duas a quatro semanas depois do diagnóstico.

Para ter uma barba bonita, você tem que tomar alguns cuidados, como o uso de óleo para hidratação, evitando doenças como a tínea da barba, um problema muito comum, mas fácil de ser evitado. Tem alguma dúvida ou experiência para compartilhar? Então deixe-nos seu comentário no post!

Newsletter